Pimenta Neves: Justiça que tarda e falha.

29 maio

Agosto de 2000: Sandra Gomide, jornalista do O Estado de S. Paulo, termina o namoro com um colega de profissão e é morta com dois tiros covardes pelas costas. O namorado é Pimenta Neves, diretor de redação do jornal.

Fugindo do flagrante, a primeira tática para se livrar da justiça foi tomar uma enorme quantidade de medicamentos e deixar uma carta de despedida para as filhas. Após isso, veio a internação numa clínica psiquiátrica como forma encenada de justificar seu crime.

Apesar do “apelo psicológico” de Neves, a Justiça de Primeira Instância de Ibiúna (SP) decretou sua prisão preventiva. Após seis meses e depois de recorrer em duas instâncias sem sucesso, foi às portas do Supremo Tribunal Federal que ele bateu em busca da soltura. O então ministro Celso de Mello apenas deu um voto e isso bastou pra que Pimenta Neves tivesse a liberdade provisória concedida.

Após mais de uma década desde o crime confesso pelo jornalista e bastante tempo de tranqüilidade na casa confortável de um bairro nobre de São Paulo, o mesmo ministro Celso de Mello chegou à simples conclusão de que era chegada a hora de cumprir a pena. E então, na noite da última terça-feira, Pimenta Neves foi preso. Não sem antes ter tentado ao extremo, claro, afinal, ele só se entregou após o Supremo Tribunal Federal ter negado por unanimidade seu último recurso. E isso ainda pode não ser o desfecho final da história: devido à idade avançada (74 anos), existe grande possibilidade de que ele cumpra a decisão em “residência particular”.

 Pimenta Neves é, sem sombra de dúvida, a personificação de uma justiça que tarda e falha.

Pimenta-Neves-e-Sandra-Gomide-

 

Fontes: http://www.cartacapital.com.br/destaques_carta_capital/e-o-crime-compensa

http://noticias.terra.com.br/brasil/casopimentaneves/interna/0,,OI987808-EI6824,00.html

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: